O Ministério do Esporte revogou, na última terça-feira, dia 10, a Resolução número 44 do Conselho Nacional do Esporte, publicada em 5 de maio deste ano, no Diário Oficial da União. Assim, os mestres da capoeira voltaram a ter o pleno direito de ensinar sua cultura, independentemente de serem formados em Educação Física. A resolução revogada reconhecia a capoeira como um esporte “inclusive para fins de enquadramento no campo das atividades desenvolvidas e regulamentadas no País”.

Saiba mais.

Fonte: culturaviva.gov.br